O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Recentes
Arquivo
Arquivo
junho 2024
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

NÃO POSSO ME CALAR

Há beleza no descontentamento que sangra em poesia.
Sempre reverbera numa maioria.

Falar de como é fácil superar,
embora não seja fácil,
soa meio pedante,
como quem joga na cara da sociedade
seus privilégios arrogantes.

O bagulho é sério.
O buraco é mais embaixo.

Só acho que não posso me calar.
Já estive no lugar do desespero,
de pensar negativo o tempo inteiro,
de querer até morrer para parar de sofrer,
e dizer que está cada vez mais difícil.

O meu compromisso é escancarar esta viagem.
Ninguém sabe o que vivi pra chegar até aqui.

Não interessa comparar.
E, sim, verbalizar de forma simples e fácil
o que no dia a dia é tátil
mas nem sempre é consciente.

Relato minha terapia em versos
e não preciso ser unânime.
Me basta ler tudo que sinto.
E se um só leitor se identificar
já valeu a pena eu ter escrito.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antonio Carlos Gaio
Categorias