O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Recentes
Arquivo
Arquivo
agosto 2022
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

NÃO SE CONSTRÓI O FUTURO ENTERRANDO A HISTÓRIA

Com o enredo “É de arrepiar!”, Paulo Barros, o maior criador carnavalesco depois de Joãosinho Trinta, fez tremer de prazer com a Viradouro e suas alas de guilhotina, fogueira, forca e cadeira elétrica, faltando o Holocausto, censurado pela comunidade judaica, que ainda não passou a limpo Hitler. É o velho embate entre desfile é só alegria e exaltação versus carga pesada e negativa de denúncias ou de tentar reescrever a História. Ou, se um bebê gigante sujo de sangue do parto, seguro pelos pés, de cabeça pra baixo, ainda com cordão umbilical, é de mau gosto ou não. Em matéria de liberdade de expressão, não existe CPI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias