O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Recentes
Arquivo
Arquivo
junho 2024
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

A CÓPIA DE UMA CÓPIA É SEMPRE UM ORIGINAL

Se eu sou como eu sou e as pessoas continuam a ser como são, há um descompasso. Se as pessoas estão muito bem acomodadas em serem o que são, por que então se incomodam se eu sou como eu sou? Se as pessoas não querem que eu seja como eu sou, apenas para provarem que eu não consegui ser quem elas não acreditam que possam vir a ser, o descompasso aumenta. Vai chegar um dia em que eu não vou ser mais convidado para festas por eu ser o que eu sou, sem descobrir o motivo da irritação com o que eu sou. Se são o que são e não há motivo para mudar, só me resta, sendo o que eu sou, invadir o baile dos mascarados e animar a festa, aproveitando o pretexto do Carnaval. Não existe ocasião melhor para você enfiar uma máscara e acabar com a fanfarronice de pessoas que se acham e que, de fato, são abaixo da crítica. Quando insistem no papel de críticos e de tudo saber, continuando a ser o que são, mesmo porque não conhecem outra maneira de ser. Nem mesmo ousaram seguir Andy Warhol um dia sequer: “a cópia de uma cópia é sempre um original”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antonio Carlos Gaio
Categorias