O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Recentes
Arquivo
Arquivo
abril 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

EXCEÇÕES

Estes são exceções
Os conectados
A religião é como um mapa
Um guia, uma bula
Para os desorientados

Os que estão ligados
Já sabem o caminho
Mesmo não conhecendo
Para onde vão

Falo de gente boa
Que não vive à toa
Nem buscando ser bom
Por medo
Do julgamento divino
Ou humano

Gente que ajuda gente
Que não julga
Faz o mundo andar pra frente
Que ao invés de reclamar
Vai lá e colabora, sempre

A maldade não tem lugar
No coração de uma criança
Por exemplo
É com os adultos
Que elas vão se corrompendo

Mas escrevo aqui
Para dizer que eu sim, precisei
Estudar religião
Para recuperar a conexão perdida

Mas não aquela
Que me foi imposta
No começo da vida
Quando o Brasil
Se dizia todo Cristão
Mesmo que de fato
Fosse outra coisa

O que eu acho chato
E já está caindo por terra
É essa mania de ter
Que escolher uma religião
Como se fosse guerra
E as outras rechaçar
Aí é que tá

A meu ver
Ninguém patenteou
A marca registrada de Deus
Ele está dentro de nós
Mesmo nos ateus

Quando escolhemos fazer o bem
No lugar do mal
E mesmo quando erramos
É normal
Estamos aqui para aprender
Deus não pode querer
Que todos sempre saibam
O que fazer

Então por que o homem
Se acha no direito de julgar
Seus semelhantes?
Por que tantos renegam os outros
Que cometem os mesmos atos
Que eles próprios cometeram antes?

Eu divaguei,
Parece que troquei de assunto
Mas é que tá tudo junto e misturado
Tudo está conectado

O fato é que quero colocar
Em pratos limpos

Não estou criticando religiões
Quaisquer delas que sejam
É que eu encontro beleza
No sagrado da vida

E por mais que eu estude e acredite
Em várias partes delas
Preciso dizer dos atos
Daquilo que nos é prático

Conexão não é teoria
Bater no peito e rezar
Seguir a maioria
Venerar um guru

É aplicar no dia a dia
Tudo aquilo que se aprendeu
E digo isso do alto da minha humildade
Porque sei que não sou nada
E você é como eu

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antonio Carlos Gaio
Categorias