O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Arquivo
Arquivo
maio 2022
D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

FOI GOLPE CONTRA DILMA, MAS BARROSO TENTA DOURAR A PÍLULA

O ministro Barroso do Supremo disse que o motivo real do impeachment de Dilma não foram as pedaladas fiscais, nem corrupção. Uma justificativa formal para dissimular a perda da sustentação política, segundo ele. Quando a legislação que respalda o impeachment não prevê a hipótese da falta de aprovação do presidente medida em pesquisa ou cair no desagrado da população, já que o regime não é parlamentarismo. Muito embora o governo Temer tenha sido abalado por sucessivas acusações de corrupção com a Câmara dos Deputados impedindo a instauração de ações penais contra o presidente, em face de Temer ter dividido o poder com parlamentares corruptos. Mesma estratégia utilizada pelo Bolsonaro para evitar o impeachment. Dilma foi considerada pelo establishment como ingênua, inepta e despreparada para lidar com o poder, pintando-a como uma gestora incapaz e ineficiente. Portanto, Dilma foi retirada do poder por meios ilegítimos e desleais capitaneados por Aécio, o derrotado frustrado e investigado pelo Supremo, Temer, o sucessor beneficiado, e Eduardo Cunha, posteriormente preso. Como queria demonstrar, foi golpe! Barroso ainda insiste em negá-lo com firulas que caem no ridículo. A História irá pôr os pingos nos “is” e o perdão à Dilma só virá quando ela morrer.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias