O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Recentes
Arquivo
Arquivo
abril 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

GILMAR MENDES PRECISA CONFESSAR O QUE TANTO O INCOMODA PARA QUE POSSAMOS AJUDÁ-LO

Por que Gilmar Mendes mostrou sinais de desequilíbrio, incompatíveis para um juiz da mais alta corte do país, chamando Lula de bandido e gângster? Declarou guerra entre os poderes constituídos no Brasil? Pretendeu deflagrar uma crise institucional? Se era Lula que estava à beira de um ataque de nervos com o julgamento do mensalão! Se com sua idade e no meio em que atua ainda não aprendeu a lidar com pressões, a ponto de comparar Brasil com Venezuela, onde Chávez prende juiz. Criando um problema diplomático. Pior, cometendo um ato falho a partir do qual Freud explica. Por essa central de boataria o estar associando ao esquema de Cachoeira e Demóstenes, baseada na inconsistente premissa bíblica de “diga-me com quem andas que eu te direi quem és”. Expondo o seu temor em ter o mesmo destino de tantos quantos a quem concedeu habeas corpus. O banqueiro Daniel Dantas, o bicheiro Noal, o médico estuprador Abdelmassih, a fila anda e o castigo tarda, mas não falha. Engana-se Gilmar Mendes quando considera o Brasil um Estado policialesco, mesmo ponto de vista defendido por Demóstenes na Comissão de Ética, em razão das inúmeras ações da Polícia Federal e do Ministério Público e dos grampos. Num Estado de direito, há que se distinguir privacidade de auscultar o crime descontinuado em que precisa se pôr cobro. Não é para se irritar? 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antonio Carlos Gaio
Categorias