O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Arquivo
Arquivo
agosto 2022
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

LEMA DO BOLSONARO: VIVA A MORTE; ABAIXO A INTELIGÊNCIA!

O ex-decano do STF Celso de Mello abandonou seu silêncio de aposentado e nos chamou a atenção para o grito necrófilo de Bolsonaro no exercício de vampiro a matar mais de 350 mil pessoas ao desprezar as medidas para a população brasileira se acautelar diante da pandemia. O grito foi proferido contra Miguel de Unamuno, reitor da Universidade de Salamanca no início da Guerra Civil espanhola, em 1936, pelo general Millán Astray, seguidor falangista fiel ao autocrata General Franco: Viva a morte; abaixo a inteligência! – bem retratado no filme argentino “Mientras enquanto dure”. Abaixo a inteligência espelha o que Bolsonaro está fazendo com a cultura brasileira, sabotando-a, relegando-a ao último plano e cortando os recursos destinados a empreendimentos e programas, enfim, sufocando-a, por tradicionalmente ser um produto da esquerda. Viva a morte seria a exaltação do que a pandemia vem sacrificando sob o pretexto de atingir a tal da imunidade de rebanho para não parar a economia e evitar que a miséria abrace o Brasil. Mesmo que os hospitais fiquem lotados sujeitos à pressão de filas ou que as pessoas acabem morrendo em suas casas. Embora Bolsonaro preferisse se lançar numa guerra de extermínio contra quem lhe faz oposição ou pense diferente, não perdendo tempo em torturar como seu correligionário Ustra, partindo para o assassinato puro e simples.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias