O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Recentes
Arquivo
Arquivo
julho 2021
D S T Q Q S S
« jun    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

NÃO DEIXE A REVOLTA TOMAR CONTA DE SUA ALMA

Antes de se deixar levar pelo fato de ser sempre a vítima, pare e pense no que você tem plantado. Quais são os frutos que juntou no seu cesto? Quem semeia amor, não irá colher tempestade.
O rio sempre obedece a seu curso, mas nem por isso deixa de alimentar aqueles que estão em sua trajetória. Se o mar, com todo o seu poder no planeta, se sujeita humildemente a se reclinar e receber as águas dos rios, já que, se usasse a força, com certeza seria malversada sua natureza.
O vento que refresca o final da tarde bem pode se converter em um furacão gigantesco e varrer a cidade inteira. Ainda assim, via de regra sopra silenciosamente todos os dias pelo mundo, espalhando sementes que vão alimentar o planeta.
A árvore é a grande companheira do homem, mas pouco valorizada quando destruída cruelmente em troca de espaço para o gado, para um roçado maior, ou simplesmente para a construção de casas luxuosas dispostas em um condomínio. Mesmo assim, segue suprindo o mundo com oxigênio, filtrando o gás carbônico, oferecendo sombra nos dias quentes, flores, frutos, sementes que viram óleo, madeira que se transforma em mesa, cama e até em seu caixão.
Por isso, seja como a árvore, alvo de perseguição implacável por parte do homem: não deixe a revolta tomar conta da sua alma. Pois será um câncer que corroerá o que nos valemos para mantermos vivo: a esperança. Seja delicado e compreensivo o suficiente, aprendendo a conquistar pela humildade, para propiciar campo e dar margem às pessoas fazerem o que pede, não pelo medo com que se impôs, e sim pelo respeito que soube conquistar.
Há que assumir parte da dor que não lhe pertence em sua encarnação ao não deixar de atender os mais necessitados ou acolher aquele amigo que precisa de uma palavra de afeto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias