O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Recentes
Arquivo
Arquivo
janeiro 2022
D S T Q Q S S
« dez    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

MANUAL POÉTICO FEMINISTA

Feito à mão,
impreciso, porém vivo,
e metamorfose ambulante,
este poema é melhor
do que aquele que escrevi antes.

Esta quem vos fala
tem sim lugar de fala,
por ser uma mulher
que hoje sabe o que quer,
mas nem sempre soube.

Exatamente por
já ter se perdido,
sabe como explicar,
com a humildade de quem,
como o leitor,
tem o direito de errar
e o dever de aprender.

Por isso escrevo
para mim e pra você
tudo que me transtorna,
transforma,
e assim informo rimando.

Faço um manual sem bula,
poético sem métrica,
feminista sem preconceito.
O carrego no peito
e jorro meu leite
para quem quiser beber.
Não tive filhos,
posso espalhar meu alimento
a meu bel-prazer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias