O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Recentes
Arquivo
Arquivo
abril 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

NÃO TENTE ESCONDER SUA ALMA

Embora no filme “A Duquesa” seja inacreditável a comparação da existência atribulada da duquesa de Devonshire, a partir das bodas em 1774, com a da Lady Di, 200 anos depois, o que incomoda o público feminino é como o filho homem nasceu, frustradas 3 tentativas que redundaram em fêmeas. Fruto do estupro, já que a duquesa havia se cansado de um marido entediado com Deus e o mundo, frio e monossilábico, sem contudo abrir mão de traçar as serviçais. Mas um duque podia tudo. Casara-se unicamente para conseguir um herdeiro e se sentia rejeitado pela esposa, que não cumpria com suas obrigações. Ao usar de força, encheu-se de prazer em subjugá-la, prazer esse que estava faltando, carente da submissão necessária ao casamento. Colocou no estupro toda sua alma, sempre ausente, e trouxe à luz o varão. Somente quando sua verdadeira alma apareceu é que fez jus a um macho, a despeito de fruto da indignidade. Não é moralista a lenda de homens e seus casamentos, apenas se exige que mostre sua cara e não esconda seu caráter por baixo dos panos das vestes das mulheres.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antonio Carlos Gaio
Categorias