O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Recentes
Arquivo
Arquivo
abril 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

ATÉ NO COMBATE À DITADURA, DILMA PROVOU SER MAIS CORAJOSA QUE SERRA

Serra se valeu de aborto, sigilo fiscal e Erenice para torpedear a candidatura Dilma. Para o seu infortúnio, só faltaram os arquivos da ditadura recém-liberados que o Exército não queimou por se tratar de torturados, e não de torturadores. Consta que Dilma foi a Joana D’Arc da subversão e assessorou assaltos a bancos. Encarregada de organizar células de militantes e de distribuir dinheiro arrecadado em ações armadas às organizações das quais foi uma das molas mestras e um dos cérebros de esquemas terroristas postos em prática pelas esquerdas radicais. Quando não era deslocada para outros pontos do país a fim de arregimentar companheiros onde a atuação de seu grupo se mostrava fraca. Ao menos os milicos reconheceram que Dilma era bem dotada intelectualmente e preparada para a análise da realidade brasileira, faceta essa que Serra subestimou. Atribuía a crescente miséria da maioria da população à magnitude da riqueza de uns poucos que detêm o poder e impedem, através da repressão, todas as lutas pela libertação e emancipação do povo brasileiro. Conforme registros, admitiu em depoimento arrancado sob intensa tortura que seu aparelho fez 3 assaltos a bancos e um atentado a bomba. Enquanto na democracia se exige a verdade dos fatos, perante as sevícias da ditadura, foi necessário coragem e dignidade para mentir, senão se entregaria companheiros e locais de reunião ao bel-prazer de exterminadores no uso do pau de arara e do choque elétrico. Somos humanos, frágeis, e confessamos diante da dor o que até Deus duvida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antonio Carlos Gaio
Categorias