O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Arquivo
Arquivo
agosto 2022
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

DE XIITA TODO MUNDO TEM UM POUCO

Uma decisão democrática da cúpula dos tucanos demoveu Serra de seus propósitos ao entronizar Alckmin, contrariando as pesquisas que não o indicam como o melhor candidato.
O medo de perder bisando o Serra traria como conseqüência uma humilhação para as hostes tucanas, notadamente em São Paulo. Principalmente depois de tanta argüição, depoimentos de presidiários, doleiros, motoristas, dona de bordel, o fim do mundo na CPI… até esbarrar no silêncio de Duda.
Num regime parlamentarista, Palocci já teria caído, afinal de contas, no governo de um trabalhador, a palavra de um caseiro vale tanto quanto a de um ministro, se não fora a política econômica tão nos conformes de seus algozes. Por que Lula não foi submetido ao impeachment ao se fazer de surdo para o mensalão? “Mas como demitir um presidente-operário?”, reconheceu o sociólogo FHC. O medo de enfrentar o povão, que veria nessa disputa discriminação e preconceito contra o retirante que chegou ao poder. Ainda mais que quem o demitiria seria a Câmara dos Deputados – fazendo as vezes de patrão do Lula -, desmoralizada por ficar cheia de dedos em cassar o emprego de seus pares.  
Portanto, se é para perder, o melhor é que seja com Alckmin, que cresceu à sombra de Mario Covas e não se importa em ser associado a chuchu por sua falta de graça. Se ganhar, a oposição fica no lucro, ainda mais que traíras conseguiram afastar a candidatura independente de Serra, que se tornou menos confiável ideologicamente que o próprio Lula.
Para quem tinha como favas contadas faturar as eleições com base no escândalo do mensalão, ver Lula recuperar sua popularidade e seu governo aprovado em todas as classes sociais realmente é caso para suicídio. Assim sendo, só resta explorar a CPI dos Bingos e derrubar Palocci para tentar deter a disparada de Lula nas pesquisas. A raça dos anti-Lula perdeu completamente as estribeiras, virou xiita e colocou uma pulga atrás da orelha: há que se moralizar a nossa democracia, mesmo à custa de atear fogo à estabilidade econômica que situação e oposição defendem.
Se bobear, fazem como o MST: invadem e ocupam o Palácio do Planalto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias