O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Recentes
Arquivo
Arquivo
junho 2020
D S T Q Q S S
« Maio    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

NÃO SOU POESIA

Como é que eu posso deixar
você entrar no meu mundo,
penetrar no meu íntimo profundo
e fecundo,
se eu não sei o que você quer?
Eu não sou uma qualquer,
e, se pra você, apetece quaisquer
que sejam as saias,
saiba que não sou cobaia
pra você testar sua fome,
exercitar seu lado homem.
Eu sou A mulher, que sabe o que quer:
não ser mais enganada,
porque nada vale minha desilusão.
E isso não é uma alusão
ao meu medo ou segredo.
Não é um ledo engano.
É o meu plano atual.
Eu não te amo
se você não for o tal,
talvez se tal for a vez de você
me degustar um pouco cada vez,
com coragem, calma e determinação.
Minhas terminações nervosas são gozozas, gasosas
e desejosas de uma prosa.
Posso ate fazer poesia,
escrever contos
e traçar microcontos
e haikais,
mas sou muito mais que um lance.
Meu bem: eu sou romance.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias