O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Arquivo
Arquivo
agosto 2022
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

MORRE-SE

Morre-se todo dia um pouco
Porque o tempo corre como louco
As coisas mudam de lugar
E as pessoas também

Elas mudam e a gente nem percebe
A gente só segue em frente
Mudando também

Morre todo dia um pouco
Da nossa energia, da nossa alegria
Morre um tanto da poesia

Morre todo dia um pouco do viço da pele
Da força motora que nos impele
Morre também a inexperiência
Que tanto nos fere

Morre-se todo dia um pouco
Porque o tempo corre como louco
E viver é matar o tempo
E em troca, morrer um pouco

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias