O que está por detrás da notícia em rápidas palavras
  
  
Arquivo
Arquivo
julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

BRASIL 2 X 0 ARGENTINA

COPA AMÉRICA (SEMIFINAIS) – 2019

A Argentina dominou quase o jogo inteiro, com mais posse de bola, teve situações para marcar, carimbou a trave por duas vezes, sem contar a bola que atravessou toda a área do Brasil chutada por Messi e não apareceu um pezinho sequer! O Brasil apenas conseguiu encaixar dois gols na hora certa. Se tivéssemos sido derrotados, assim seria a choradeira do Brasil. Ainda mais com o juiz desinteressado em checar pelo VAR se realmente houve 2 pênaltis.
Só que foi o Brasil de Daniel Alves, com 36 anos, que impôs mais uma humilhação à Argentina de Messi. Foi o Daniel Alves de laterais direitos de grande tradição como Djalma Santos, Carlos Alberto, Nelinho, Jorginho e Cafu. Atuação histórica de participação gloriosa no golaço que abriu o marcador, em que deu um lençol em Acuña e um corte desmoralizante em Paredes. É bem verdade que Gabriel Jesus se sobressaiu em cima da fraca defesa argentina. No segundo gol, sua arrancada, desde lá detrás, foi excepcional.
Daniel Alves apoiou, construiu jogadas, levou amarelo e quase foi expulso, afastando o fantasma que rondou o Mineirão nos 7 a 1 da Copa de 2014. Messi, por outro lado, continua sua via crucis na Seleção Argentina sem conquistar um título sequer, ao realizar sua melhor partida nesta Copa América, dando um imenso trabalho à defesa brasileira, deixando seus companheiros em ótimas condições de marcar – mas Alisson fechou o gol.
Vamos para outra final no Maracanã, quando desperdiçamos essa chance na Copa do Mundo de 2014.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias